Fechar [X]

Notícias

Home » Notícias

Convite: 1º Painel de Debates do FCRAS

Evento acontece em Goiânia/GO, no dia 19.04.17, no audotório do CEAFI - Centro de Estudos Avançados de Formação Integrada. O objetivo do evento é aprofundar a discussão sobre políticas públicas que envolvem o Sistema Único de Saúde (SUS) e a Reforma Previdenciária.

Período de revalidação de Cédula de Identidade Profissional

Fonoaudiólogo(a). caso você não tenha feito a revalidação da sua Cédula de Identidade Profissional, fique atento ao encerramento do prazo em 30/05/2017!

Conforme consta no parágrafo 1º do art. 39 da Resolução 494/2016, “As cédulas de identidade profissionais expedidas antes de 31/05/2012, que não possuem prazo de validade, permanecerão válidas até 30/05/2017.” Caso a sua cédula já possua a data de validade impressa na mesma, favor requerer a revalidação a partir da data que consta na cédula.

A revalidação desse documento, é um procedimento normatizado pela Resolução 494/2016 do Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa) e o não cumprimento da resolução acarreta em infração do Artigo 6º do Código de Ética da Fonoaudiologia.

ACESSE AQUI o requerimento de revalidação e a relação de documentos necessários.

O CRFa5ª Região publica lista nominal de fonoaudiólogos que obtiveram baixa em seu registro profissional

O CRFa5ª Região publica lista nominal de fonoaudiólogos que obtiveram baixa em seu registro profissional, atualizada em 07.03.2017. Os profissionais cujos nomes estão nesta lista não podem mais exercer a profissão. Para acessar a lista CLIQUE AQUI

O CRFa5ª Região publica lista nominal de fonoaudiólogos que obtiveram baixa em seu registro profissional

O CRFa5ª Região publica lista nominal de fonoaudiólogos que obtiveram baixa em seu registro profissional, atualizada em 03.02.2017. Os profissionais cujos nomes estão nesta lista não podem mais exercer a profissão. Para acessar a lista CLIQUE AQUI

O que deve constar no meu carimbo profissional?

Segundo o Código de Ética da Fonoaudiologia no capítulo IV inciso VII, constitui dever do fonoaudiólogo utilizar seu nome, profissão e número de registro no CRFa em qualquer procedimento do qual tenha participado, acompanhado de rubrica, assinatura ou certificado digital. Dessa forma, o carimbo profissional deve conter tais dados (nome, profissão e número de registro no CRFa).

 

Exemplo:

Fulano de Tal
Fonoaudiólogo (a)
CRFa 5-XXXX

 

Conforme Resolução CFFa Nº 494/16 o fonoaudiólogo deve identificar o seu registro de inscrição, com a sigla CRFa, espaço, seguido do número da região, acrescida do hífen (-) e o número do registro profissional.